Existem várias plataformas para blogs e dentre elas o Tumblr e o Medium, que são gratuitas e possíveis de usar o domínio próprio, mas são pouco convencionais para fins institucionais, portanto vamos focar em outras duas: WordPress e Blogger.

WORDPRESS

wordpress-bg-medblue

É a plataforma mais usada no mundo para sites e para blogs. Ou para ser mais preciso: ¼ de tudo que está online está em WordPress, incluindo o www.conteudoparaongs.com.br. Pode ser usado contratando uma empresa de hospedagem ou ainda ser usado diretamente pelo endereço: www.wordpress.com.

Vantagens: Há inúmeros modelos (templates) para serem usados, é facilmente localizado nos serviços de busca como o Google ou o Bing e é relativamente fácil de usar.

Desvantagens: por ser uma plataforma bastante flexível, exige certo preparo para usar suas funcionalidades. Para ter um domínio próprio tem que pagar 2,99 dólares ao mês.

Veja também:

Como se decidir entre site ou blog?

BLOGGER

blogger-logo

Uma alternativa, que já foi muito usada até poucos há poucos anos. Embora defasado, o Blogger ainda tem suas qualidades. Clique aqui para ver um exemplo de blog feito nesta plataforma.

Vantagens: É uma plataforma gratuita do Google, bastando ter uma conta no Gmail para acessar. Seu uso é bem intuitivo e fácil de usar. Além disso, não tem nenhum custo adicional para adicionar um registro de domínio.

Desvantagens: tem poucos modelos criativos, embora seja possível importar templates gratuitos. Não oferece plug-ins.
Em resumo: se a entidade não tem muito recurso financeiro ou de pessoal, comece pelo Blogger. Se sua entidade tem alguém com conhecimento suficiente (saber ler um pouco de inglês ajuda) ou está pensando em terceirizar o serviço, a escolha acertada é o WordPress.

HOSPEDAGEM: é o serviço de armazenamento do conteúdo do site e sua disponibilização online na internet

PLUGINS: ferramentas que adicionam um recurso ou corrigem alguma falha em um programa ou plaforma. O Mailchimp for WordPress e o Contact Form 7 são dois exemplos de plug-ins para criação de formulários desenvolvidos por terceiros. Já os widgets (como são mais conhecidos no wordpress), ou gadgets (como são mais conhecidas no blogger) tem finalidades específicas como um relógio digital ou uma lista dos posts mais lidos.

Pin It on Pinterest

Share This