O armazenamento nas nuvens é um dos recursos mais interessantes que a tecnologia vem possibilitando às pessoas físicas ou jurídicas. Sejam elas empresas comuns ou entidades sem fins lucrativos. Porém, estamos acostumados a pensar nesse recurso para sincronizar fotos e arquivos dos nossos smartphones pessoais. Mas os serviços “cloud” vão muito além disso.

Um dos serviços mais usados

E são inúmeros. Entre os mais conhecidos no Brasil estão o Google Drive, Dropbox, OneDrive da Microsoft, Box, Amazon Drive, Apple iCloud Drive e Adobe Creative Cloud. À primeira vista, a escolha está mais no gosto pessoal e no preço.

Armazenamento Gratuito X Armazenamento pago

O Google Drive é o mais conhecido por ser nativo da imensa maioria dos smartphones (com Android). Mas antes de escolher se manter com um serviço ou outro é interessante pensar em: armazenamento gratuito, preços dos planos pagos e funcionalidades.

O Adobe Creative Cloud oferece 2 GB de armazenamento gratuito e o Box 10 GB. O Google Drive oferece 15 GB enquanto o OneDrive oferece quase nada: 5 GB, o mesmo do Amazon Drive.

É muito usado por empresas

Os preços das versões pagas também variam para cada um dos serviços. O Dropbox, por exemplo, tem mensalidades de US$8,25/mês para pessoa física com 1 TB ou US$12,50/mês por usuário no plano empresarial com direito a 2 TB de armazenamento. O Box, que é voltado para as empresas, oferece 100 GB por mês por US$6,00 no plano individual. E armazenamento ilimitado para empresas no plano a partir de US$17,00. O plano da Microsoft é de R$ 29,00 com 1TB de espaço para até cinco contas e está integrado com o Office 365.

Um dos mais conhecidos e tem integração com o Office 365

Diferenciais para organizações sem fins lucrativos

Mas se sua ONG tem o serviço do Google ou da Microsoft para entidades sem fins lucrativos, talvez sua escolha possa se restringir a uma dessas duas empresas.
O programa do Google para entidades sem fins lucrativos oferece, entre vários outros benefícios, 30 GB de armazenamento por usuário. Já na versão da Microsoft o espaço cedido por usuário é de 1TB. Dependendo do tamanho da sua entidade um armazenamento mais modesto dê conta de caber os principais arquivos da entidade, mas mais espaço pode não ser exagero.

Para além do armazenamento

Mas o armazenamento é apenas a ponta do iceberg para os serviços nas nuvens. Uma vez tendo escolhido o serviço mais adequado e instalado nos computadores, tablets e smartphones dependendo de cada caso, é possível sincronizar quantas pastas quiser.

Um dos melhores na relação custo x benefício

Isso significa que você pode ficar com todos os arquivos que estão no computador disponíveis para acessar na internet. Isso é particularmente útil no caso de usar outros computadores, em caso de danificação do HD ou mesmo em roubos. O backup online facilita e muito a vida dos usuários.

Além disso, fica muito fácil compartilhar arquivos (mesmo aqueles muito grandes) criando apenas links. E é possível definir vários tipos de: só visualizar, só quem usa determinado domínio de email (fulano@umaong.org.br, por exemplo) ou até mesmo editar arquivos online.

A edição de arquivos é talvez uma das mais importantes variáveis a ser considerada. É fácil de fazer revisão de relatórios, escrever projetos, analisar gráficos e apresentações com várias pessoas ao mesmo tempo e no mesmo arquivo.

Enfim, a escolha vai de acordo com o costume e uso de cada um, mas os serviços da Microsoft e do Google são os que oferecem melhores benefícios para entidades sem fins lucrativos.

Pin It on Pinterest

Share This